LEGO considera projetos impressos 3D em casa

Posted by Taila On janeiro - 29 - 2018

LEGO considera impressao 3D em casa, liberando projetos oficiais

 

De acordo com um relatório publicado em 01 de dezembro pela World Property Review, a LEGO está aberta à venda de modelos técnicos oficiais.
Esta informação veio através do Conselheiro Corporativo de Sistemas Mette Andersen, na principal divisão de modelos LEGO que aconteceu em 30 de novembro na Conferência de Autenticidade de Marca da Associação Internacional de Marcas Comerciais (INTA) em Berlim.

A empresa LEGO da Dinamarca está comemorando seu 85º aniversário e é listada pela Forbes como a marca mais poderosa de 2017.
De acordo com a World Intellectual Property Review, o jornal The Washington Post descreveu a impressão 3D como o maior desafio para LEGO, mas Andersen não concordou, acrescentando “a LEGO congratula-se com a concorrência livre, desde que os rivais não usem nenhuma das marcas registradas, direitos autorais e patentes da LEGO. “

Andersen refletiu sobre perguntas do tipo: Se as pessoas imprimirem suas próprias peças em casa, outras empresas criarão projetos especiais incluindo modelos militares. Andersen concluiu sua declaração dizendo: “Enquanto o fizerem de forma justa, nós [LEGO] aceitamos isso”. Embora isso ainda não seja viável levando em consideração o tempo de impressão, material e o custo beneficio.

John Hornick, sócio da Finnegan, Henderson, Farabow, Garrett e Dunner, também se dirigiram à conferência.
“Os modelos empresariais serão forçados a evoluir… Tendo a capacidade de nos levar ao inicio de fabricação novamente, e não comprar”, disse Hornick. “A medida que a democratização aumenta, a capacidade de reduzir o controle e o IP (propriedade intelectual) eventualmente se tornam irrelevantes”.

Para saber mais sobre a conferência de impressão 3D e os direitos de propriedade intelectual, leia a história completa na World Intellectual Property Review.

Leave a Reply